26 de ago de 2009

Make a wish




Eles se entreolharam e pensaram no que dizer. As palavras pairavam no ar, mas não conseguiam se juntar em frases e formar períodos. Mais do que uma simples questão de semântica, uma oração não dita mais forte que um credo ou até um pai nosso.
Eles continuavam se olhando, um silêncio, ausência de som incômoda que amplificava cada ruído numa magnitude de Cinemascope. E então, eis que num desvio dos olhos um enxerga a si no outro e todo aquele momento ganha um novo significado resplandecente como ouro ao sol. Brilho dourado, no meio da noite que fica clara como o dia para os dois.
Eles se olham e um sorriso doce surge no lábio rosado do sangue que pulsa num ritmo frenético pelo corpo. Explosão. O olhar se trasnforma em toque e de repente uma mão procura a outra como tendo medo de se perder, porto seguro, e os barcos então guardam as velas e ancoram.
Eles se beijam e o mundo então ausente de sentido, ganha uma nova direção. Seguindo a velha lei da física, os opostos se atraem, pólos positivo e negativo, yen e yang, numa cadência tão perfeita quanto de uma sinfonia de Mozart. Gosto molhado, desconcertado. A música continua e eles também.

26 comentários:

30 e poucos anos. disse...

É maravilhoso qdo estamos na mesma frequencia e tudo se harmoniza nas mais belas cores e sentimentos

FabioZen disse...

Facinho gostar,principalmente por que você trabalha a textualidade muito bem!

FILHO DO CÉU disse...

Criou grande espectativa para o beijo!

Romantismo total



http://superblogueiros.blogspot.com
(divulgação de blog grátis)

Vini e Carol disse...

Quando estamos amando não conseguimos fazer nada.
É algo lindo, fantástico.

Só temos que fechar os olhos e curtir.

Beijos.

AnDeЯsOn G. disse...

Tão doce, =D

Naya Rangel disse...

Poucas vezes vi alguém escrever tão bem! Toda a aura que você criou em torno do beijo, e o romantismo do texto estão incríveis!


http://kultura-digital.blogspot.com/

Nova Quahog disse...

TUDO PARECE PERFEITO NÉ?

slowly-born disse...

Quem ser você?

maai disse...

gosteeeei :)

layne disse...

nossa, deixa eu te seguir. porque teu blog é maravilhoso.

Pan Boxxx disse...

Que beijjo mais esperado...
Conheci agora teu blog e tô adorando.
Bjos
Micha
www.panboxxx.blogspot.com

sequelanet.com.br disse...

nuss ótimo texto
simples e bacana
make a wish=faça um desejo! :D
abraços

Inez disse...

O texto é ótimo, suave, gostoso de ler.
Muitas vezes o olhar fala mais que qualquer palavra.

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Gostei do blog, voltarei sempre!

Gutt e Ariane disse...

Essa sensação é gostosa demais... não tem coisa melhor! E seu texto foi muito bem escrito viu... todo mundo lendo até o fim para ver se rolava beijo ou não! rsrs

Betinho Cerri disse...

Curti o blog... belo texto!

____


[b]# XÂ QUETO...!
.

Um blog feito para leitores descolados, que querem saber dos lançamentos tecnológicos, cinema, música, arte, notícias malucas, games, cultura pop e até inutilidades.
---------------------------------------------------------------------
http://xaqueto.blogspot.com/

.
VISITEM!

layne disse...

...e um beijo... aconteceu. ♪

Rodrigo Luz disse...

...aqui do outro lado da tela olhos atentos acompanham as letras. Formam as palavras. Formam as frases. Vão descobrindo o que vai acontecer quando chegar o final. Cada parágrafo é um caminho mais perto do fim. Ate que a última linha é lida. Descobre-se o fim. E fica a certeza de que estes olhos aqui do lado de cá, voltaram a ler coisas escritas aqui.

retribuindo a visita...;)

http://debaixodocogumelo.blogspot.com/
FiLoSoFiA SuRReAliSta dE BotEQuIm

Patrick Araújo disse...

ameiiiiiii

mto romantico!!!!!

http://publicidadesportiva.blogspot.com/

LADY DARK ANGEL disse...

a velha lei da fisica sempre funciona rsrsr]
bjos

Blog do disse...

Nossa o que o amor não faz, e histórias bem criativas assim nos levam a ver que o amor não se limita a pouco, quanto mais desejo mais as sensações são fortes.

Rubens

Tiago Laurentino disse...

Massa essa foto.
www.tiagolpsantos.blogspot.com

Fabíola Oliveira disse...

Eu gosto da maneira como você escreve. O texto vai numa escala, numa evolução até alcançar o ápice. É tão bem escrito que eu até posso imaginar os amantes enamorados. Tens talento nessse gênero, sim e olha que eu não sou muito de sair distribuindo elogios, não. Mas você mereceu.

seuvicio disse...

Oh! O coração parmitô, o sovaco suô, o dedão tremelicô...

De novo como a milhares ou talvez milhões de anos vem acontecendo com bilhões de pessoas.

Sei lá, sempre q vou tratar de assunto batido, ao menos tento inovar na forma.

Um esforço foi esse:

Atração física



Eram como luzes dispersas. Massa em meio à escuridão e ao vácuo. E atraíram-se. E traíram-se. Ele bem mais do que ela, se é que é possível falar em gêneros, senão apenas em naturezas opostas.

Cômodo é ser o que se é simplesmente. Tanto quanto procurar uma mudança constante, por prazer ou vontade. Escolhas. Equivalências.

O que dói, incomoda e encanta, é a mudança obrigatória e virtualmente desnecessária. A energia inexplicável que atrai de forma sutil e fatal, ocasionando a quebra de ligações estáveis em nome de experiências fugidias, embora talvez, por certo, belas e excitantes.

Corpos celestes. Naturalmente atraentes ao ser humano esteticamente sensível, ou mesmo apenas curioso. Irresistíveis então, se animados pelo sopro da vida. Num universo onde tudo é a mesma coisa, os mais lindos amontoados de carbono.

"Tortura-me sob a luz do fogo de mil velas, e ainda assim, jurar-te-ei de pés juntos tratar-se sempre de física, nunca de amor."

seuvicio disse...

Mas não é ofensa, é meu jeito, pq se todo mundo ficar o tempo inteiro se tratando com luvas de pelica na esperança de ganhar audiência para si mesmo, a qualidade, que é o que mais importa a meu ver, sai prejudicada.

Não precisa ser sarcástica, eu sei q não sou o supra-sumo da estética, a salvação da literatura mundial. A questão é que eu tento, e tento de verdade. Se dá ou não dá certo e outra história, e eu não fico esperneando cada vez q não fica bom.

Vc fala em escrever direto o q está sentindo, e é exatamente aí q as pessoas se sobressaem ou não. Pq ser fiel ao sentimento sem cair no lugar comum é q é o desafio. se não for para isso, pq continuar escrevendo? Basta pegar o que já foi escrito e reler ad infinitum.

Azar, eu falo demais, creio q o interesse de 90% do pessoal nos blogs é só dizer uma qqer porcariazinha sobre seu cotidiano ou tentar ganhar um trocado fácil, o velho pega-trouxa de sempre. Pra essa gente nada do q eu falo tem sentido mesmo.

Se não tiver pra vc tbm, desconsidere.

Wander Veroni disse...

Fiquei fã do seu jeito de escrever! Muito bonito mesmo....lembrei dos meus primeiros encontros...rs.

Abraço